Tutorial de TCP/IP – Parte 23 – Criando Zonas no DNS

Introdução:

 

Prezados leitores, esta é a terceira parte, desta segunda etapa dos tutoriais de TCP/IP. As partes de 01 a 20, constituem o módulo que eu classifiquei como Introdução ao TCP/IP. O objetivo deste primeiro módulo foi apresentar o TCP/IP, mostrar como é o funcionamento dos serviços básicos, tais como endereçamento IP e Roteamento e fazer uma apresentação dos serviços relacionados ao TCP/IP, tais como DNS, DHCP, WINS, RRAS, IPSec, Certificados Digitais, ICS, compartilhamento da conexão Internet e NAT (assunto desta parte, ou seja Parte 20 do tutorial). No decorrer de 2004/2005 serão disponibilizados mais 20 tutoriais de TCP/IP (de 21 a 40), nas quais falarei mais sobre os aspectos do protocolo em si, relacionados ao Windows 2000 Server e Windows Server 203: DNS, DHCP, WINS, RRAS, IPSEc, etc.

 

Para um curso completo sobre a instalação e Administração do DNS,no Windows 2000 Server, consulte, um dos livros indicados a seguir.

LIVRO IMPRESSO

MANUAL DE ESTUDOS PARA O EXAME 70-217 ‚Äď 752 p√°ginas

Um curso completo de Active Directory no Windows 2000 Server

E-BOOK EM FORMATO PDF

MANUAL DE ESTUDOS PARA O EXAME 70-216 ‚Äď 712 p√°ginas

Aprenda sobre o DNS, DHCP, WINS, RRAS, Roteamento, IPSEc, etc.

 

Nesta parte desta segunda série de tutoriais, darei continuidade a parte prática de Administração do DNS,no Windows 2000 Server. Você aprenderá a criar zonas em um servidor DNS, baseado no Windows 2000 Server.

 

Criando, administrando e configurando zonas no DNS

 

Conforme descrito na Parte 8 deste tutorial (http://www.juliobattisti.com.br/artigos/windows/tcpip_p8.asp) , as informa√ß√Ķes sobre o DNS s√£o armazenadas em zonas. Em uma zona pode haver informa√ß√Ķes sobre um ou mais dom√≠nios.

Após a instalação do DNS, a primeira coisa que o administrador deve fazer é criar uma zona primária direta. Por exemplo, vamos supor que você está implementando a estrutura de DNS da rede da sua empresa. Você começa pelo domínio root, que é xyz.com.br. Neste caso, você tem que criar uma zona primária direta (mais adiante você aprenderá a criar zonas segundárias, aprenderá sobre o conceito de zona reversa e como criar uma zona reversa).

A zona √© chamada prim√°ria porque ela ainda n√£o existe e est√° sendo criada para conter as informa√ß√Ķes do dom√≠nio ‚Äď no nosso exemplo, o dom√≠nio xyz.com.br. Ela √© chamada direta, porque conter√° informa√ß√Ķes para resolu√ß√£o de nomes para endere√ßo IP, ou seja, fornecido um nome no dom√≠nio xyz.com.br, esta zona conter√° informa√ß√Ķes para retornar o endere√ßo IP associado com o nome.

Uma zona reversa, que ser√° descrita em uma das pr√≥ximas partes deste tutorial, faria o contr√°rio, ou seja, dado um endere√ßo IP, o DNS pesquisa na zona reversa para encontrar o nome associado ao endere√ßo IP. As zonas secund√°rias somente podem ser criadas se j√° existir uma zona prim√°ria. As zonas secund√°rias cont√©m uma c√≥pia integral dos registros da zona prim√°ria e recebem as atualia√ß√Ķes efetuadas na zona prim√°ria atrav√©s do mecanismo de replica√ß√£o de zonas.

 

 

Criando uma zona Prim√°ria Direta

 

Exemplo: Criar a zona primária direta (Forward Lookup Zone) para conter os registros do domínio xyz.com.br. Para criar esta zona siga os passos indicados a seguir:

1. Faça o logon como administrador ou com uma conta com permissão de administrador.

2. Abra o console DNS: Iniciar -> Programas -> Ferramentas Administrativas -> DNS.

3. Ser√° exibido o console DNS. No painel da esquerda, por padr√£o, est√£o dispon√≠veis as seguintes op√ß√Ķes:

  • Zonas de pesquisa direta
  • Zonas de pesquisa inversa

Nota: O console DNS pode ser utilizado para gerenciar toda a estrutura de DNS da empresa de uma maneira centralizada. O administrador pode usar o console DNS para conectar-se com outros servidores DNS da rede da empresa e gerenciar zonas e configura√ß√Ķes dos diversos servidores DNS da rede, a partir de um √ļnico console DNS, centralizadamente.

Na Figura a seguir, apresento um exemplo onde estou utilizando o console DNS para gerenciar dois servidores DNS diferentes. Para conectar-se a um servidor DNS remoto basta clicar com o bot√£o direito do mouse na op√ß√£o DNS (primeira op√ß√£o, bem em cima, no painel da esquerda). No menu de op√ß√Ķes que √© exibido clique em Conectar-se ao Computador.... Ser√° exibida a janela Selecionar m√°quina de destino. Clique na op√ß√£o No seguinte computador. Ao lado desta op√ß√£o digite o nome ou o endere√ßo IP do servidor DNS a ser acessado. Clique em OK e pronto, agora voc√™ pode gerenciar o servidor DNS remotamente. O administrador respons√°vel pela DNS pode criar um console personalizado, onde s√£o adicionados os v√°rios servidores DNS pelos quais ele √© respons√°vel.

Feito este breve comentário, vamos voltar a criação de uma zona direta, no servidor DNS do Windows 2000 Server.

 

Figura - Gerenciando v√°rios servidores DNS em um √ļnico console.

 

 

4. Neste exemplo você utilizará a opção Zonas de pesquisa direta. Clique com o botão direito do mouse neste opção.

5. No menu de op√ß√Ķes que √© exibido clique em Nova Zona...

6. Será aberto o assistente para a criação de uma nova zona.. A primeira tela do assistente é apenas informativa. Clique em Avançar, para seguir para a próxima etapa do assistente.

7. Nesta etpa voc√™ deve informar o tipo de zona a ser criada. Est√£o dispon√≠veis as op√ß√Ķes Integrada ao Active Directory, Prim√°ria Padr√£o e Secund√°ria padr√£o. Voc√™ aprender√° sobre zonas secund√°rias e sobre a integra√ß√£o com o Active Directory, nas pr√≥ximas partes deste tutorial. Se o servidor que voc√™ est√° utilzando for um DC, estar√° dispon√≠vel a op√ß√£o Integrada com o Active Directory. Voc√™ tamb√©m aprender√° sobre esta op√ß√£o, nas pr√≥ximas partes deste tutorial e tamb√©m sobre a integra√ß√£o do DNS com o Active Directory. Para o nosso exemplo, defina as configura√ß√Ķes indicadas na Figura a seguir:

 

Figura - Criando uma zona prim√°ria, n√£o integrada com o Active Directory.

 

 

8. Clique em Avançar, para seguir para a próxima etapa do assistente.

9. Nesta etapa será solicitado o nome da zona. Digite xyz.com.br no campo Nome da Zona e clique em Avançar, para seguir para a próxima etapa do assistente.

10. Nesta etapa voc√™ define se deseja criar um novo arquivo onde ser√£o gravadas as informa√ß√Ķes sobre a zona xyz.com.br ou se deseja usar um arquivo existente. Voc√™ pode utilizar um arquivo existente, caso a zona j√° existisse anteriormente e houve problemas no servidor. Neste caso voc√™ poder√° recriar a zona e mandar usar o arquivo j√° existente anteriormente. Ao fazer isso, todas as informa√ß√Ķes contidas anteriormente ser√£o recuperadas a partir do arquivo j√° existente. No nosso exemplo vamos salvar as informa√ß√Ķes da zona em um novo arquivo. Por padr√£o, para o nome do arquivo, o assistente sugere o nome da zona com a extens√£o .dns. O arquivo ser√° criado na pasta systemroot\System32\Dns , onde systemroot representa a pasta onde est√° instalado o Windows 2000 Server. Vamos aceitar a op√ß√£o padr√£o, conforme indicado na Figura a seguir:

 

Figura - Definindo o nome do arquivo onde ser√£o salvas as informa√ß√Ķes.

 

 

11. Clique em Avançar, para seguir para a próxima etapa do assistente.

12. Será exibida a tela final do assistente. Se você quiser alterar alguma opção pode utilizar o botão Voltar. Clique em Concluir, para criar a zona primária direta: xyz.com.br, conforme indicado na Figura a seguir:

 

Figura - A zona xyz.com.br, recém criada.

 

 

Conclus√£o

Nesta parte do tutorial, mostrei como fazer a cria√ß√£o de uma zona direta ‚Äď xyz.com.br, no servidor DNS do Windows 2000 Server.

Muito bem, a zona xyz.com.br foi criada. Mas criar somente a zona tem pouca (para não dizer nenhuma) utilidade. Uma zona deve conter registros, os quais serão consultados para responder às consultas enviadas pelos clientes. Este será o nosso próximo estudo, ou seja, estudar os tipos de registros que podem ser criados em uma zona e quais os procedimentos práticos para criar, editar e excluir registros. Bem, mas este já é assunto para as próximas partes deste tutorial.

Nas pr√≥ximas partes deste tutorial, segundo dentro da filosofia de apresentar a√ß√Ķes pr√°ticas, voc√™ aprender√° sobre a cria√ß√£o de registros em uma zona do DNS.

 

Livros do autor: