Udocs.me

Aplicativos patrocinadores


Autor: Mauricio Junior
Publicado em: 6/30/2014 12:35:30 PM

Eu uso Azure e você?




Muita gente não sabe o que é, mas o Azure foi criado pela Microsoft e está disponível a todos os desenvolvedores. Ele serve para hospedar seus sites, banco de dados, serviços móveis, autenticação de rede e muito mais com um preço barato e acessível; até mesmo para um desenvolvedor independente.


Você quer hospedar seus códigos feitos usando a linguagem PHP, Java, .NET, Pyton e Ruby com plataforma de 32 e 64 bits; então essa ferramenta é pra você. Você pode configurar o endereço do seu site no Azure, configurar sub-domínios, certificado SSL e muito mais. 


Ao mesmo tempo que o serviço fica no ar 24 horas por dia e 7 dias da semana, você fica sabendo através dos relatórios e informações qual o consumo, tipo de acesso, backup, quantidade transferida e muito mais.


O Azure tem um portal de acesso bem confiável e você pode usar por algum tempo todos os serviços gratuitamente. No site azure.net ou azure.microsoft.com você pode checar o serviço que se integra facilmente. Existem muitos outros serviços disponíveis e com fácil acesso em relação aos preços, não é aquele mistério que tem por ai. O menu Pricing do site azure.microsoft.com mostra mais detalhes de todos os serviços disponíveis.


Quando você cria um Web Site no Azure você pode manter o endereço que o Azure te informa ou então escolher a parte de compartilhamento (shared) onde abre a possibilidade de colocar o seu próprio endereço www. O endereço que o Azure informa é o nome_escolhido.azurewebsites.net


Para usar o seu www no Azure é bem simples, você precisa colocar o endereço passado em seu servidor de domínios e mandar reconhecer. Depois disso já é reconhecido e o servidor de domínio aponta para o endereço de domínio indicado. Não precisa esperar 24 horas para conhecimento de domínio nem nada, é feito na hora e funciona na hora. Já tive muitos problemas em reconhecimento de domínio na minha vida, quando vi que o Azure fazer o reconhecimento e apontamento na hora, escolhi ele para todos os meus domínios; que não são poucos.


Em relação a banco de dados, para criar um no Azure é tão simples quanto criar um Web Site. Você precisa basicamente digitar o nome do banco, escolher o servidor e criar um usuário e senha para acessar. Escolher o servidor porque? Para indicar o local desejado, existem vários servidores no mundo todo e o seu banco pode ficar no Estados Unidos, Europa, Asia, Brasil e outros.


Depois disso você pode acessar o banco de dados pelo seu cliente local ou web, no caso o Azure, só trabalha com SQL Server e Oracle. Você pode acessar o banco pelo portal do Azure informando o endereço, servidor, usuário e senha. Na Web você faz SELECT normalmente. Além de poder criar tabela, inserir dados e tudo mais. É uma estrutura muito boa e funcional para o desenvolvedor independente ou até empresa que não tem uma estrutura boa.


O Azure tem backup agendado, você pode agendar, pode informar para fazer todos os dias e fazer download de forma simples, ou seja, com apenas um clique. A segurança é fora do comum, nunca tive problema de invasão nessa ferramenta da Microsoft, quando eu hospedava em outros servidores de internet, direto eu recebia tentativa de invasão do site. Teve um servidor que o administrador não atualizou o sistema operacional e o hacker consegui entrar e trocar uma página do .aspx. A minha sorte foi que eu percebi na hora e voltei os dados, procurei outro servidor e migrei os meus dados pra lá.


O grande problema de hospedar em lugares amadores é que você está sujeito a invasão do servidor e não do seu site. O sistema operacional passa por diversas atualizações e o administrador precisa atualizar seus servidores cujo existem sites hospedados. Muitas vezes isso não é feito e acaba ficando vulnerável, a hackeragem não está fácil hoje em dia. Eles não perdoam. Geralmente uma equipe de hacker consegue descobrir o erro e publica na Internet para todo mundo ver e testar. A Microsoft envia um service pack para corrigir o problema e o administrador do servidor tem que atualizar.

Com o Azure eu não me preocupo com invasão e nunca tive problema.

Eu estou escrevendo este artigo sobre o Azure não é para tentar te convencer a usar ele, mas para te falar a minha experiência usando a ferramenta da Microsoft. Já tem mais de um ano que estou usando e nunca tive problema. Qualquer desenvolver que está começando vai saber mexer no portal e configurar tudo que necessita. 


Integração com desenvolvimento de software


É importante dizer sobre a integração que o Azure tem com vários repositórios na Internet, quero dizer que você pode gravar seu código fonte em um certo repositório e automaticamente ele pode se integrar e auto-publicar o código.


Se você tem o código construído e está em algum repositório, o site visualstudio.com pode integrar e publicar no ambiente Azure as versões novas compiladas. O deploy é feito automaticamente pelo próprio servidor vinculado e as versões são mantidas de forma organizada. Se você quiser voltar alguma versão, fica muito fácil.


Além de dar GetLastVersion, Check-in e Check-out você pode usar a metodologia Scrum para controlar seus projetos e integrantes do grupo. O Visual Studio com o Azure e TFS libera esse tipo de controle, relatórios e gráficos para saber como está o andamento do projeto. Tarefas são enviadas para o integrante e controladas diretamente pelo gestor ou gerente de software.


Escrevi um artigo falando disso uma vez, vou colocar o link logo abaixo.


Hoje eu uso o TFS para manter meus códigos .NET e com ele fica fácil gerenciar, principalmente se tiver mais de um desenvolvedor naquele projeto. Para a versão grátis do TFS (Team Foundation Services) podem programar até 5 pessoas ao mesmo tempo. Para uma pequena empresa ou se você é um desenvolvedor independente, a melhor forma é usar esse tipo de ferramenta. Fica a dica!


Visual Studio online

Existe dentro do Azure o Visual Studio online que pode ser usado para programa sem instalar o programa Visual Studio, isso mesmo, você programa nele online usando apenas o browser da sua máquina ou notebook.


Você já pensou programar usando apenas o browser ? Já existe essa possibilidade dentro do Azure para você. A minha experiência nessa ferramenta online é a seguinte: no caso de algum problema ou alteração imediata onde não tenho instalado o Visual Studio na máquina, ou não estou no trabalho e preciso alterar algo, basta entrar na ferramenta, alterar o necessário e compilar.


São para casos extremos só uso o Visual Studio online, as vezes estou viajando e sem a máquina, basta entrar e alterar / arrumar o necessário. Existe um vídeo mostrando mais sobre as ferramentas do Azure (http://azure.microsoft.com/en-us/).


Espero que tenha gostado de tudo que foi falado. Eu fico por aqui e qualquer dúvida pode entrar em contato pelo site www.mauriciojunior.org



Udocs.me