Udocs.me

O programador de hoje

image

Olá pessoal, eu vou falar um pouco sobre o programador de hoje, além de falar o que precisa para ser um programador valorizado no mundo das empresas.

O primeiro ponto é não ser xiita. O que é xiita? Xiita é uma pessoa que nunca utilizou outra plataforma ou ferramenta e fala mal sem ter o conhecimento. Muitos programadores aprendem na Universidade a sua primeira linguagem de software com a ferramenta de desenvolvimento e faz dela "a melhor e única no mundo dele".

O xiita defende uma linguagem e plataforma com unhas e dentes, sem nem mesmo aprender outra. Muitas vezes por gosto, por preguiça de aprender ou mesmo oportunidade de conhecimento. Sinceramente, eu gosto de aprender sempre uma nova plataforma. Pode ser analisado todos os tipos de linguagens e plataformas para que atenda de melhor forma o cliente no momento da contratação. Existem clientes de todo jeito no mercado de trabalho.

No Brasil, muitas Universidades começam com Java e Eclipse; outras já começam com C++ e Visual C++ e outras começam C# e Visual Studio. No meu caso, antes dos 14 anos de idade eu comecei a programar usando uma plataforma da Microsoft e HTML, depois, na Universidade eu aprendi outras linguagens e ferramentas.

A figura no topo do artigo mostra um boné da Microsoft, um computador da Apple e um óculos do Google. O que isso significa? Significa que o programador, arquiteto de software e engenheiro precisa se adaptar a várias plataformas e linguagens oferecidas pelas grandes empresas. Isso porque a cada dia surge algo novo no intuito de substituir ou se adaptar ao antigo.

Opinião

Se você gosta da plataforma mobile, aprendeu e desenvolver muitos aplicativos; não fique apenas nisso. Procure aprender sobre Web Service, End-Point, sobre linguagens que fazem eles, sobre banco de dados, a base e a prática para finalizar, procure aprender sobre Web, isto é, como fazer um site e as tecnologias envolvidas.

Tudo isso se complementa para que você atenda a determinados clientes que precisam de todo o conjunto de tecnologia.

Se especializar é muito bom, mas você pode ter uma ideia de como funciona para não ficar totalmente crú na área. Não seja xiita, seja um inovador e entusiasta no mundo da tecnologia.

Espero que tenha gostado e que tenha despertado em você esse desejo de aprender e estudar sempre. Qualquer dúvida, pode entrar em contato pelo site www.mauriciojunior.org.


Autor: Mauricio Junior
Revista ecode10 Magazine