Revista ecode10 Magazine

Azure config e VS config

Image

Olá pessoal, meu nome é Mauricio Junior e hoje eu vou falar um pouco sobre a configuração dentro do Visual Studio e a configuração dentro do Azure.

Muitos não sabem mas é possível desenvolver com o arquivo de configuração apontado para um ambiente de homologação ou desenvolvimento mas quando o software for publicado no ambiente de produção, o valor que vai valer é a configuração que está configurado dentro do Azure. Isso pode ser uma segurança interessante para quem for administrador e o desenvolvedor nunca terá acesso à configuração de produção. Mesmo que os dados estejam abertos dentro do arquivo de configuração, o que vai valer é o que está setado/informado dentro do servidor Azure.

Ferramentas utilizadas:

  • Visual Studio
  • Azure
  • Linguagem C#

Dentro do Visual Studio, abra o arquivo de configuração. Veja o código 1.1 mostrado:

Código 1.1 - Arquivo de configuração

<connectionStrings>
<add name="myConnection" connectionString="Data Source=.;Initial Catalog=CompBillingDB;Integrated Security=True;MultipleActiveResultSets=True" providerName="System.Data.SqlClient" />
</connectionStrings>

<appSettings>
<add key="WEBSITE_TIME_ZONE" value="E. South America Standard Time" />
<add key="webpages:Version" value="3.0.0.0" />
<add key="webpages:Enabled" value="false" />
<add key="ClientValidationEnabled" value="true" />
<add key="UnobtrusiveJavaScriptEnabled" value="true" />

<!-- Redirecionamento de URL-->
<add key="ResetPasswordUrl" value="/Home/ResetPassword" />
<add key="AccessDeniedUrl" value="/" />
<add key="ErrorMessageUrl" value="/Home/Error?message=" />

</appSettings>

Note que no código 1.1 existe a tag de conexão com o banco de dados e a tag para configuração do app. Geralmente, os desenvolvedores colocam várias tags. Uma indicando o ambiente de homologação e outra para produção e o pior de tudo é que sempre alguém esquece de trocar a tag depois que subiu para o ambiente de produção.

Com a configuração dentro do Azure as tags não precisam ser trocadas pois o que vai valer já está informado dentro do Azure.

Onde ficam as configuraçoes dentro do Azure?

Basta acessar o site https://portal.azure.com e escolher o seu site configurado lá dentro. Dentro do site, acesse o menu Configurações do aplicativo e mais para o final da página existe os mesmos nomes das tags.

  • Application settings
  • Connection strings
  • Default documents
  • e mais

A imagem 1.1 mostra onde ficam as configurações, mas existe um ponto muito importante para que você possa marcar e deixar fixo.

Image

Imagem 1.1 - Configurações no Azure

A imagem 1.1 mostra alguns pontos importantes como as chaves e valores de cada chave configurado dentro do software ou aplicativo. Mas existem algumas chaves que estão marcadas como o Slot Settings. Os valores que estão com essa marcação é a que não muda, mesmo que no arquivo de configuração esteja diferente, o que vale é o que está no servidor.

Isso evita que o desenvolvedor envie para o ambiente de produção os valores de homologação ou desenvolvimento, isto é, valores de ambientes diferentes.

Essa configuração no servidor ajuda muito o desenvolvedor e arquiteto. Se você utiliza o Azure, procure utilizar isso.

Espero que tenha gostado e qualquer dúvida pode entrar em contato pelo site https://www.mauriciojunior.org.


Autor: Mauricio Junior
Revista ecode10 Magazine